Cai o último cão de guarda de Omar Aziz – Mário Aufiero

O comissario de polícia Mário Aufiero foi demitido do cargo de secretário extraordinário, ocupava desde 2015. Aufiero comandou uma perseguição ao blogueiro José Garcia supostamente a mando então Governador Omar Aziz (PSD). Uma verdadeira tática de terrorismo político/partidário,  na oportunidade Aufiero era o sub delegado geral, mas mandava mais do que o titular Dr. Josué Rocha.

Monitoramento da Polícia Política de Omar Aziz era de  24 hora por dia ao senhor José Garcia – foi feito por ‘agentes do estado’ o tempo de perseguição – mais ou menos  trinta dias, o bairro em que José Garcia morava foi sitiado, a rotina familiar virou de cabeça abaixo, seus dois filhos foram seguidos diariamente por PMs fardados até os locais de seus estudos (faculdades).

Intimações no 19º DIP era outra forma de intimidação ao blogueiro – denúncia de agressão ao um criminoso virtual do grupo.

A  perseguição começou após o blogueiro  não querer participar do processos de endeusamento da  então primeira dama Nejmi Aziz. O ‘convite’ para o trabalho feito por um blogueiro/traficante/FDN – a remuneração era de R$ 5 mil mensal, o traficante/blogueiro/FDN – dizia falar em nome de Omar Aziz, Ronaldo Tiradentes, Nejmi Aziz.

José Garcia foi terrivelmente atacado nas redes sociais e um mega esquema de assédio jurídico/político/partidário – o casal Aziz planejou e executou. Na presente data as máscaras estão caindo…

As operações da PF – Maus Caminhos e Lava Java Jato dirão quem tem razão…

Por Humberto Ramos Filho

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui