Cem homens fazem exames para diagnóstico do câncer de próstata neste sábado

Como parte das ações voltadas para a saúde do homem, em alusão ao Novembro Azul, aproximadamente 100 pacientes vão ser atendidos gratuitamente, neste sábado (30), por especialistas da Urologia do Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV), acadêmicos da Liga de Urologia do Amazonas, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

A ação será realizada na Policlínica Codajás, localizada na Avenida Codajás, número 26, bairro Cachoeirinha.

Os homens, que já estão pré-agendados, passarão por uma avaliação preventiva do câncer de próstata. De acordo com dados do Ministério da Saúde, a doença é a segunda causa de morte por câncer em homens no Brasil. Os participantes serão homens acima de 45 anos que estavam aguardando consulta pelo SISREG (sistema que agenda as consultas pelo SUS).

Wilson Lima e Jair Bolsonaro abrem Feira de Sustentabilidade do PIM

O urologista Flávio Antunes informou que todos serão submetidos ao exame do toque retal e serão avaliados com o exame de sangue. Ele também fará uma palestra sobre a importância da saúde do homem.

“A ação é importante para lembrar que a saúde masculina também deve receber uma atenção especial, ser acompanhada de perto e de forma contínua. O câncer de próstata é o segundo mais comum dos homens. Quando se faz o diagnóstico nas fases iniciais, a chance de cura é alta, cerca de 80%. A avaliação deve ser feita mesmo que o paciente não apresente nenhum sintoma. Até porque o início do câncer de próstata não apresenta sintomas, e com o diagnóstico precoce, há mais possibilidade de combate à doença”, relata.

Os exames do toque retal e de sangue são as fases iniciais e têm grande importância para o tratamento a ser seguido. Eles, quando associados, podem dar uma segurança de cerca de 90% no diagnóstico.

Ainda segundo o médico, o exame do toque deve ser feito por todos os homens a partir dos 50 anos. Porém, em alguns grupos de riscos, como é o caso de obesos, negros ou quem tem parente de 1º grau com câncer de próstata, é recomendado que a avaliação seja feita a partir dos 45 anos.

“Por medo ou por desconhecimento, muitos homens preferem não conversar sobre esse assunto.  Ações como esta da Policlínica Codajás são essenciais para estimular a realização do diagnóstico precoce”, salienta o Urologista.

De acordo com o gerente de Clínicas da Policlínica Codajás, Raimundo Derval Santana, a palestra ministrada pelo Urologista Flávio Antunes inicia às 7h30 e abre a ação de saúde. A partir das 8h, os atendimentos e os exames começam a ser realizados.

“Esta é uma ação conjunta da direção Geral da Policlínica Codajás com a gerência de Clínicas e gerência de Enfermagem a partir da iniciativa do doutor Flávio Antunes. Em um único dia, nós vamos atender quase cem homens que precisam da avaliação. Será um marco no nosso atendimento, que é importante porque o diagnóstico precoce possibilita a difusão e multiplicação de informações sobre a prevenção e tratamento desta patologia que afeta muitos homens”, finaliza.

SERVIÇO

O quê? Atendimento e avaliação para diagnóstico do câncer de próstata
Quando? Neste sábado (30/11), a partir das 7h30
Onde? Policlínica Codajás – Avenida Codajás, número 26, bairro Cachoeirinha
Quanto? gratuito