Plínio Valério condena sobretaxa na conta de energia elétrica

O senador amazonense usou as redes sociais para expressar sua indignação com a cobrança da taxa de escassez hídrica

Por meio do Twitter, o senador Plínio Valério expressou toda sua indignação em relação a cobrança da taxa de escassez hídrica. Nesta terça-feira (18), o parlamentar disse que essa situação precisa acabar.

Durante todo seu mandato, Plínio defende outras fontes de energia visando diminuir o preço pago altíssimo pago pelos amazonenses quando o assunto é energia elétrica.

Em 2021, o senador teve seu projeto de Desenvolvimento de Energia Eólica aprovado pelo Senado Federal, entretanto, é necessário um financiamento via BNDES para que esse tipo de energia seja instalada no estado.

O preço da conta de energia tem crescido gradativamente, desde o fim de agosto do ano passado, a tarifa extra começou a ser cobrada por determinação da Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética.

Plínio Valério, postou que essa sobretaxa paga pelo amazonense precisa acabar.

“Precisamos coibir uma distorção que está massacrando os amazonenses. A maior parte da população do nosso estado está pagando uma sobretaxa na conta de energia elétrica por conta da bandeira tarifaria relativa à escassez hídrica. Isso tem que acabar”, compartilhou o senador.

Ele ainda ressaltou que no período que o Amazonas – e todo Brasil – está passando, com as fortes chuvas e enchentes, pagar essa taxa se torna ainda mais injusto.

“As fortíssimas chuvas que afetam quase todo o território nacional tornaram ainda mais injusta essa sobretaxa. O resultado é que a população sofre com as inundações e ainda tem que pagar uma sobretaxa abusiva por conta da escassez hídrica”, finalizou Plínio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui