Polícia paraguaia prende Bruno Farina, sócio do megadoleiro Dario Messer

1
72
Autoridades do Paraguai prenderam o empresário Bruno Farina, sócio do megadoleiro Dario Messer (conhecido como doleiro dos doleiros) e alvo da Lava Jato.

Ele estava em um condomínio de luxo na cidade de Hernandarias, na fronteira com o Brasil, quando foi detido na noite de quarta-feira, 26.
PARAGUAY NACIONAL 05-05-2018 CASA DOLEIROS Polícia arromba casas de doleiros foragidos no Paraguai
Forças de segurança do Paraguai cooperam com autoridades brasileiras para tentar prender o doleiro Dario Messer e operadores alvos da operação Câmbio, desligo FOTO POLICIA NACIONAL DO PARAGUAY

Acompanhe o Blog do Pávulo no Facebook   Twitter  Instagram

Justiça acata denúncia contra João de Deus por violação sexual

Farina é investigado por corrupção, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e associação criminosa. Foi citado na operação “Câmbio, Desligo”.
A detenção aconteceu um dia depois de terem sido feitas duas batidas no mesmo local em busca pelo empresário, de acordo com o Ministério do Interior do Paraguai.
Em maio, a polícia já havia feito buscas em duas mansões em Hernandarias, propriedades de Farina e Messer. Mas, segundo o fiscal Manuel Doldán, responsável por Assuntos Internacionais, a casa de Messer estava abandonada. Messer ainda está foragido.
Ele é suspeito de realizar operações milionárias de lavagem de dinheiro que teriam movimentado US$ 1,6 bilhão em 52 países.
A Promotoria paraguaia sustenta que Messer, seu filho e um primo do ex-presidente paraguaio Horacio Cartes (2013-2018) teriam realizado operações irregulares no Paraguai no valor de US$ 40 milhões e através de três empresas das quais eram acionistas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here