Baby Rizzato recebe Medalha de Ouro Cidade de Manaus da Câmara Municipal, com méritos, diferente da primeira…

MANAUS, 26/10/17 JORNALISTA BABY RIZZATO E HOMENAGEADA COM MEDALHA DE OURO CIDADE DE MANAUS DURANTE SESSAO SOLENE NA CAMARA MUNICIPAL DE MANAUS. FOTO: ROBERVALDO ROCHA / CMM

A jornalista Baby da Costa Rizzato recebeu, na manhã desta quinta-feira (26), da Câmara Municipal de Manaus (CMM), a Medalha de Ouro Cidade de Manaus, em Sessão Solene presidida pelo vereador Wilker Barreto (PHS), presidente do Poder Legislativo Municipal. A iniciativa foi proposta pelo vereador Plínio Valério (PSDB) e assinada por todos os vereadores da 17ª Legislatura.

Wilker Barreto afirmou ser justa a homenagem a Baby Rizzato, com a entrega da maior honraria da Câmara Municipal de Manaus, que é a Medalha de Ouro Cidade de Manaus. O presidente chegou a pedir desculpas à jornalista pela medalha não ter sido entregue antes. “É a nossa maior honraria a personalidades que se destacaram e se destacam”, disse ele, parabenizando Plínio Valério pela iniciativa.

O vereador afirmou que ao entrar no Parlamento Municipal procurou Baby Rizzato para agraciá-la com a medalha, mas a jornalista, naquela ocasião (há dez anos), disse que ainda tinha muito a colaborar com a cidade e agradeceu. “Quis Deus que agora, na condição de presidente da Casa Legislativa, cumprisse esse papel. A Câmara discute leis, problemas da cidade, mas também tem a missão de fazer justa homenagem, em vida, a quem deu muita contribuição à cidade. Por isso o Legislativo Municipal deixa, nos seus anais, uma justa homenagem”, garantiu.

Autor da homenagem, Plínio Valério ressaltou a sua felicidade em ver tantos rostos amigos no plenário, o que o faziam sentir não em uma homenagem, mas a uma celebração à jornalista. “Todos estão aqui porque gostam da Baby, é uma homenagem justa. Acredito que essa homenagem vem no momento exato. Baby está madura e continua irreverente”, afirmou ele, ressaltando que a homenagem à jornalista é também a todos os profissionais da comunicação. “Baby obrigada por ter trazido essas pessoas que fizeram da homenagem uma celebração”, completou.

Os vereadores presentes ao evento manifestaram-se com palavras de carinho e consideração à homenageada. Glória Carrate (PSD) afirmou que Baby tem o seu carinho e respeito. “Quero ser você amanhã. Já contribuiu muito para  o Estado e o Município de Manaus. O plenário está lotado de pessoas que a amam e estão lhe prestigiando”, ressaltou.

Joana D’Arc Protetora dos Animais (PR) assegurou que Baby Rizzato tem contribuído com os relevantes serviços prestados a cidade. “É conhecida como o ícone do jornalismo amazonense, sendo referência profissional para os seus fã e seguidores”, completou a vereadora que fez questão de ler a mensagem do presidente regional do PR, deputado federal Alfredo Nascimento, endereçada à homenageada, que há 42 anos comandou o programa ‘Nosso Encontro’ na televisão local.

O vereador Wallace Oliveira (PODE) se disse um admirador anônimo da homenageada. “Alegro-me em acompanhar sua trajetória de sucesso e pelo que representa ao município, ao Estado e ao País”, afirmou.

Líder do Governo Municipal, Joelson Silva (PSC) parabenizou Baby. “É referencia para muita gente e passou ser um ícone. Contagiava às casas e todas as famílias com seu programa. Que Deus lhe abençoe grandemente”, garantiu, ao falar em nome do prefeito Arthur Virgílio Neto (PSDB).

Baby emocionada

Muito emocionada, Baby Rizzato falou de improviso, e disse que iria quebrar o protocolo. Após saudar à Mesa dos trabalhos e os seus amigos, que lotavam o plenário, contou um pouco de sua trajetória. “Para mim é difícil falar para o público. Eu falava para as câmeras. Era como se eu estivesse na varada da minha casa, dava risadas. Entendia que não era meu trabalho, ofício, mas como se fosse uma festa”, disse.

aby Rizzato disse que foi a primeira apresentadora de televisão no Amazonas. “Era eu e o Ri tin tin. Me dava o luxo de apresentar o programa como uma indiana, descalça e com um anel no dedo”, assegurou lembrando do Programa Nosso Encontro, que apresentava na Televisão.

Falou do começo na TV Ajuricaba e TV Baré até chegar à TV A Crítica. E citou produtores dos seus programas como Mário Adolfo, Rui Alencar (in memorian) e Kid Mahal. Assegurou também que aprendeu a cair, levantar e sair de cena. Que nunca teve depressão e que assiste a programas de TV sempre analisando, como se fosse ‘expert’ no assunto. “Tenho saudades, mas não quero voltar”, assegurou.

A homenageada disse, ainda, que saiu de cabeça erguida da televisão e que recusou a homenagem anteriormente porque achou que ainda não era a hora. Além de agradecer a homenagem, Baby dividiu as honrarias com os filhos Márcia Raquel e Sálvio Rizzato, “duas pessoas magníficas, maravilhosas, dois batalhadores incríveis e que me dão muito orgulho”. “Obrigada, muito obrigada pela homenagem”, completou.

Em 2015, Baby Rizzato encerrou suas atividades como apresentadora do programa Nosso Encontro – TV A Crítica e se dedica exclusivamente a coluna Baby, no Jornal A Crítica, à família e à carreira de publicitária.

Amigos

Entre os amigos que participaram da homenagem à jornalista estavam o presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), desembargador Flávio Pascarelli; a procuradora de Justiça, representando o Ministério Público do Amazonas, Suzete Maria dos Santos; a defensora pública, representando a Defensoria Pública do Amazonas, Maria Fátima Loureiro; a secretária estadual do Fundo de Promoção Social, representando o Governo do Estado, Mônica Mendes; o presidente da Federação do Estado do Amazonas (Fieam), Antonio Silva; a presidente da Rede Calderaro de Comunicação, Cristina Calderaro; além da vereadora Therezinha Ruiz (DEM).

Texto: Nely Pedroso – DIRCOM/CMM

Foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui